• Circe Palma

E as Crianças?





Mais do que saber como lidar com as crianças em casa, é preciso aprender a ouvi-las. Estar atendo para a escuta de uma voz infantil é muito sábio. A voz de uma criança é repleta de conteúdos, de sonhos, de imaginação, de fantasia, de conflitos, de preferências, enfim.. é muito intensa. Quando o adulto escuta esta fala é como se construísse um mapa de suas vidas. Elas nos dizem tudo o que precisamos saber sobre elas.

Neste momento de intensa aproximação com nossos filhos, temos a incrível oportunidade de aprender as suas diversas linguagens. A do desenho, a da fala, a do brincar, a do silêncio, a dos afetos. Ao falar sozinha, a criança fala de seus medos, seus desejos, suas cumplicidades. Seu silêncio é também uma fala. E muito alta. Como se fosse um grito. De socorro às vezes, mas é um grito no silêncio.O silêncio de uma criança nos diz muito. Nos mostra a importância que ela mesma se dá quando se volta para si mesma. Nem sempre é por tristeza, às vezes, é como se fosse apenas uma introspecção que a faz encontrar-se consigo e até admirar-se. Outras vezes, sim, é por sofrimento. Precisamos saber entender isto e confortá-la ou admirá-la, conforme um e outro momento.

Quando desenha, a criança representa o que lhe vai no íntimo, tudo o que habita seu mundo. Mostra o que gosta, de quem gosta, o que e quem é importante para ela. É lamentável quando, para um adulto, estes desenhos parecem ser riscos sem sentido.

Mas uma das linguagens mais importantes da criança, é sem dúvida a dos afetos. O amor é a mais genuína fonte de vida e no mundo infantil ele precisa estar presente com todo o valor e força da verdade que tem. As palavras te amo, soam vazias quando não há demonstração do sentimento. Uma criança é tão perceptiva desta realidade que não precisamos questioná-la sobre o que está sentindo quando não se sente amada. Ela simplesmente demonstra isto. Nos fala desta falta de amor apenas com o olhar.

As crianças tem muito a nos dizer. Saibamos ouvi-las. Elas nos apresentam um verdadeiro e amoroso labirinto a ser descoberto. Aprendizados de vida.


0 visualização
  • Facebook
as-passeadeiras-logo.png